5 medidas de segurança que seu supermercado deve adotar durante a pandemia

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn

Com o novo coronavírus, o distanciamento social e as medidas de higiene se tornaram indispensáveis. Contudo, por ser um serviço essencial, o supermercado é um estabelecimento que toda a sociedade necessita. Por isso, é importante que sejam tomadas todas as medidas de segurança adequadas para garantir a saúde de todos.

Sabendo disso, neste post, selecionamos 5 medidas que seu supermercado deve adotar durante a pandemia. Conheça cada uma delas e assegure a segurança de todos os seus clientes e colaboradores.

1. Limitar o acesso como medida se segurança

Para evitar aglomerações e oferecer um ambiente mais seguro durante a pandemia, é importante limitar a quantidade de pessoas. Em diversos estabelecimentos, manter a capacidade de lotação máxima de 50% da disposta no alvará de funcionamento é uma boa alternativa.

2. Definir horários específicos para idosos

Como os idosos fazem parte do grupo de risco, eles precisam de uma atenção e proteção extra. Por esse motivo, definir horários específicos para idosos é uma boa forma de aumentar a segurança deles.

Contudo, para que essa estratégia seja eficaz, é muito importante trabalhar bem a comunicação para esclarecer sobres os horários. Entenda que a falta do conhecimento dessa informação pode gerar estresse nos clientes, caso eles tenham que retornar para comprar em outro momento.

3. Adotar medidas de higiene para conter efeitos do coronavírus

A higiene do supermercado e funcionários também é uma das principais medidas de segurança a se garantir. Por isso, disponibilizar a todos os colaboradores os devidos equipamentos de proteção individual deve ser primordial.

Ainda, é importante disponibilizar álcool gel em diversos pontos estratégicos do estabelecimento. Inclusive, posicionar profissionais para assegurar o uso do álcool na entrada faz toda a diferença para a higiene do supermercado.

Contudo, sem deixar de lado a limpeza frequente de todo o ambiente, desde o piso aos equipamentos. 

4. Adotar medidas de segurança, como o distanciamento social

Como o afastamento social é determinante para evitar a COVID-19, é necessário tomar algumas medidas de distanciamento nos supermercados. A começar pela manutenção da distância mínima de 1,5 metro. Para tanto, conte com fitas, giz, cones e outros materiais para sinalizar corretamente o estabelecimento.

Além disso, o dinheiro tem grande contato social, logo, também pode oferecer riscos para a saúde das pessoas. Portanto, estimular métodos eletrônicos de pagamento, com descontos para quem compra no cartão, pode aumentar o combate ao vírus.

Por fim, as barreiras de acrílico entre os profissionais e clientes também são bem-vindas e aumentam a proteção para ambos. 

5. Garantir um abastecimento contínuo e gerenciado

Uma das primeiras ações geradas pelo medo é a procura incessante pela segurança. Assim, em períodos de confinamento social e pandemia, o pânico pode tomar conta de algumas pessoas e isso deve ser considerado.

Logo, ainda que desnecessário, muitas pessoas podem desejar fazer estocagem de produtos. Nesse sentido, é indispensável gerenciar bem os estoques do supermercado e fazer pedidos mais frequentes aos fornecedores. Além de limitar volume de compras de determinados itens. Dessa forma, é possível garantir que ações egoístas não prejudiquem o bem comum.

Veja ainda: como fazer uma organização de estoque em tempos de crise.

Seguindo essas dicas de medidas de segurança, será possível oferecer o atendimento mais adequado para seus clientes. Esperamos ter ajudado você nesse processo adaptativo.

Veja outras publicações

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×

Carrinho